Padrão de Raça Poodle

Poodle

Raça: Poodle Miniatura e Poodle Gigante

Grupo: Cães de Luxo

Função: Cão de Colo e Companhia

País de origem: França

Aprovado por: Osmir de Moraes Bastos - Presidente

 

APARÊNCIA  GERAL: cão de tipo mediolíneo, de pelagem encaracolada  característica, cacheada ou encordoada. Tem  aspecto de um  animal inteligente, constantemente em alerta, ativo, harmoniosamente construído, dando uma impressão de elegância e altivez. 

PROPORÇÕES IMPORTANTES: · o comprimento do focinho é de aproximadamente 9/10 do comprimento do crânio. · o comprimento (do ombro ao ísquio) do corpo é ligeiramente superior a altura na  cernelha. a altura da cernelha ao solo é sensivelmente igual a altura do topo da garupa ao  solo. · a altura do cotovelo ao solo é 5/9 da altura na cernelha. 

COMPORTAMENTO / TEMPERAMENTO: cão reconhecido por sua fidelidade,  apto a aprender e a ser treinado, o que faz dele um cão de companhia particularmente  agradável. 

CABEÇA: distinta,retilínea, proporcional ao tronco. A cabeça deve ser bem cinzelada, sem ser pesada mas igualmente sem refinamento excessivo. 

REGIÃO CRANIANA  Crânio: sua largura é inferior a metade do comprimento da cabeça. O crânio, visto de cima, apresenta um aspecto oval e de perfil, ligeiramente convexo. Os eixos do crânio e do focinho são ligeiramente divergentes. 

Arcadas Superciliares: moderadamente salientes, revestidas de pelos longos.

Sulco Frontal: largo entre os olhos, estreitando­se em direção ao occipital, que é bem  marcado. Nos Poodles Toy, o occipital pode ser menos marcado. 

Stop: pouco marcado. 

REGIÃO FACIAL  Trufa: desenvolvida, com perfil vertical; narinas abertas. Trufa preta nos exemplares pretos, brancos e cinzas; marrom, nos exemplares marrons; nos exemplares abricós ou fulvo avermelhado a trufa é marrom ou preta. 

Focinho: perfill superior bem retilíneo, seu comprimento em torno de 9/10 do comprimento do crânio.

Os ossos laterais do maxilar inferior são quase paralelos. De aspecto sólido. O perfil inferior do focinho é delineado pela mandíbula e não pelo bordo do lábio superior. 

Lábios: moderadamente desenvolvidos, bastante secos, de espessura média; o lábio superior pousa sobre o inferior, sem ultrapassá-­lo. Pretos, nos  exemplares pretos,  brancos e cinzas; marrom, nos exemplares marrons. Nos exemplares abricós e fulvo avermelhados, são marrons mais ou menos escuros ou pretos. As comissuras labiais  não devem ser evidenciadas.

Maxilares / Dentes: articulados em tesoura. Dentes sólidos. 

Bochechas: não salientes, se ajustando à estrutura óssea. Arcadas suborbitais  cinzeladas e pouco pronunciadas. Arcadas zigomáticas muito pouco salientes. 

Olhos: de expressão fogosa, inseridos no nível do stop e ligeiramente oblíquos. De forma amendoada.

Pretos ou marrons escuros. A orla das pálpebras confere aos olhos  uma forma amendoada. Nos exemplares marrons, os olhos podem ser de cor âmbar  escuro. 

Pálpebras: borda das pálpebras preta  nos  exemplares pretos, marrons, brancos  e  cinzas; marrom nos exemplares, marrons. Nos abricós ou fulvo avermelhados, marrom  ou preto. 

Orelhas: bastante longas, portadas pendentes ao longo das faces, inseridas  no prolongamento de uma linha traçada, da parte superior da trufa e passando sob a  comissura externa do olho; planas, alargando-­se após a inserção e arredondadas nas  extremidades, recobertas por pelos ondulados e muito longos.A cartilagem da orelha  deve alcançar a comissura labial. 

PESCOÇO:sólido, ligeiramente arqueado após a nuca, de comprimento médio, bem  proporcionado.

Cabeça portada alta e orgulhosa. Sem barbelas, de seção oval. Seu comprimento é ligeiramente inferior ao da cabeça. 

TRONCO: bem proporcionado. O comprimento do corpo é ligeiramente superior à altura na cernelha. 

Cernelha: moderadamente desenvolvida. 

Dorso: curto. Linha superior harmoniosa e bem firme. A altura da cernelha ao solo é  sensivelmente

igual a altura da garupa ao solo. 

Lombo: firme e musculoso. 

Garupa: arredondada, sem ser caída. 

Antepeito: a extremidade do esterno deve ser ligeiramente saliente e situada bem alta. 

Peito: descido até a altura dos cotovelos; sua largura é igual a 2/3 da altura. Nos  Poodles Grandes, o perímetro torácico, medido atrás das escápulas, deve ser superior,  em pelo menos, 10 cm, a altura na cernelha. Peito de seção oval, largo na parte dorsal. 

Ventre e francos: ascendente, sem ser esgalgado. 

CAUDA: de inserção bem alta, no nível da linha superior. Pode ?car natural ou ser  amputada, permanecendo um terço (1/3) mais próximo do corpo ou a metade do seu comprimento. A cauda é pendente, quando em stay. Em movimento, a cauda é portada  obliquamente. 

MEMBROS  Membros Anteriores: perfeitamente retos e paralelos, bem musculosos com uma  boa ossatura.A altura do cotovelo ao solo é ligeiramente superior a altura da cernelha  ao cotovelo. 

Ombros: oblíquos e musculosos. Angulação escápulo­umeral de aproximadamente  110°. 

Braços: o comprimento dos braços correspondente ao comprimento das escápulas. 

Carpos: no mesmo alinhamento do antebraço.Metacarpos: sólidos e quase retos, vistos de perfil. 

Patas: muito pequenas, fechadas, de forma oval curta. Os dedos são bem arqueados  e juntos. As almofadas são duras e espessas. As unhas são pretas nos exemplares  pretos e cinzas. São pretas ou marrons nos exemplares marrons. Nos brancos, as unhas  podem ter todas as gamas do marrom até o preto. Nos abricós e fulvos avermelhados, são marrons ou pretas.  Membros Posteriores: paralelos, vistos  por trás; músculos desenvolvidos e bem  aparentes. Os jarretes são bem angulados. As angulações coxofemoral, tíbio­femural e tíbio­tarsiana, devem ser bem acentuadas. 

Coxas: bem musculosas e fortes.  Metatarsos: bem curtos e verticais. O Poodle deve nascer sem ergôs nos membros  posteriores. 

Patas: com as mesmas características das anteriores.  MOVIMENTAÇÃO: o Poodle tem uma movimentação elástica e leve. 

PELE: flexível, sem flacidez, pigmentada. Os Poodles pretos, marrons, cinzas e abricós  ou fulvos avermelhados devem ter uma pigmentação conforme a cor da pelagem. Para  os brancos, a pele ideal é prateada. 

PÊLO  Poodle de pelo cacheado: pelo abundante de textura ?na, lanoso, bem ondulado,  elástico e resistente à pressão da mão. Espesso, farto, de comprimento uniforme, formando cachos iguais. 

Poodle de pelo  encordoado: pelo abundante,  de textura fina, lanoso e fechado, formando cordões bem característicos. Devem medir ao menos 20cm. 

COR: pelo unicolor: preto, branco, marrom, cinza e abricó e fulvo avermelhado. Marrom – deve ser sólido,  bem  escuro,  uniforme  e vivo. O bege  e seus tons  derivados mais claros não são admitidos. 

  1. Cinza – deve ser uniforme: suas gradações de tonalidade não devem tender ao preto nem ao branco. 
  2. Abricó – deve ser de uma tonalidade uniforme,sem tender ao fulvo pálido ou areia, nem ao fulvo avermelhado. 
  3. Fulvo avermelhado – deve ser de uma tonalidade uniforme sobre toda a pelagem.  Não deve, em nenhum caso, tender ao abricó.
  4. Parti Color - proporção igual entre duas cores, sendo sempre uma delas o branco
  5. Tuxedo - marcação com aproximadamente 30% de branco, não mais do que isso.
  6. Blinder - branco e tigrado de qualquer outra cor.
  7. Phantom - apresentando "maração de tan" 

Pálpebras, trufa, lábios, gengivas, palato, orifícios naturais, escroto, almofadas  plantares são bem pigmentadas. 

TAMANHO

  1. Poodles Grandes: acima de 45cm até 60cm, com uma tolerância de 2cm a mais.  A reprodução do Poodle Gigante deve ser desenvolvida e ampliada a partir do Poodle  médio, uma vez que ele guarda as mesmas características. 
  2. Poodles Médios: acima de 35cm até 45cm. 
  3. Poodles Anões: acima de 28cm até 35cm. 

O PoodleAnão deve exibir em seu conjunto o aspecto de um Poodle Médio reduzido,  conservando,  do mesmo modo,  as mesmas  proporções, sem  apresentar qualquer característica de nanismo. 

  1. Poodles Toys: acima de 24cm  até  28cm  (a altura  ideal: é  25cm) e  até  24cm(tolerância de menos 1cm). O Poodle Toy conserva, em seu conjunto, o aspecto de um  Poodle Anão e as mesmas proporções gerais correspondendo a todas as exigências  do padrão. Qualquer sinal de “nanismo” é excluído, somente a crista occipital pode  ser um pouco menos acentuada. 

FALTAS: qualquer desvio dos termos deste padrão deve ser considerado como falta  e penalizado na exata proporção de sua gravidade.

  • dorso carpeado ou selado. · cauda inserida muito baixa. · exemplar muito nervoso. · dentes: · ausência de 2PM1 não são levados em consideração. · ausência de um ou dois PM2, se forem simétricos. · ausência dos 3os molares (M3) não é levada em consideração. 

FALTAS GRAVES

  • trufa parcialmente despigmentada. · focinho fino. · focinho pontudo. · cana nasal arqueada (nariz romano). · dentes: · ausência de 2 PM2 não simétricos. · olhos muito grandes ou profundos nas órbitas, insuficientemente escuros. · orelhas muito curtas. · garupa caída. · cauda encurvada sobre o dorso. · angulação posterior muito reta. · andadura deslizante ou alongada. · pelagem escassa, mole ou dura. · cor indefinida ou sem uniformidade: cinza enegrecido ou cinza esbranquiçado,  fulvo pálido, pelagem creme, bege ao marrom ou marrom muito escuro. 

FALTAS ELIMINATÓRIAS

  • cão agressivo ou medroso. · trufa totalmente despigmentada. · falta de tipicidade, particularmente na cabeça; · prognatismo superior ou inferior. · dentes: · ausência de um incisivo, de um canino ou de um pré-­molar. · ausência de 1 PM3 ou de 1 PM4. · ausência de 3 PM ou mais (exceto PM1). · ausência de cauda ou cauda curta. · ergôs ou marcas de ergôs nos membros posteriores. · exemplar cuja pelagem não seja unicolor; · manchas brancas e pelos brancos nas patas; · exemplares ultrapassando 62cm para os Poodles Grandes e inferior a 23cm para  os Poodles Toys. · todo exemplar que apresentar sinais de “nanismo”: crânio globuloso, ausência de  crista occipital, stop muito marcado, olhos proeminentes, focinho muito curto e  virado para cima, maxilar inferior e queixo retraídos. · sulco mediano praticamente inexistente. · ossatura muito leve nos Poodles Toys. · cauda enrolada com a extremidade caindo sobre o ?anco ou a garupa. 

NOTAS: · os machos devem apresentar os dois testículos, de aparência normal, bem descidos  e acomodados na bolsa escrotal.

  • todo cão que apresentar qualquer sinal de anomalia física ou de comportamento deve ser desqualificado
Designer by Neoware - Criação e Desenvolvimento de Websites e Sistemas - Desafie nossa Criatividade