Artigos

14/11/2017

Raça da Semana – Fila Brasileiro

Corajoso, alerta e fiel.

País de Origem: Brasil
Grupo: Cães de trabalho e utilidade
Função: Cão boiadeiro e guarda
 
O Fila Brasileiro é um tesouro nacional, sendo a primeira raça canina brasileira a ser reconhecida internacionalmente. Este gigante poderoso e destemido é quase imbatível desempenhando o papel de guardião do seu lar, além de ser um companheiro muito fiel e amoroso.
 
História
O Fila Brasileiro originou-se nas fazendas brasileiras, principalmente na região de Minas Gerais, através de cruzamentos entre cães pastores locais e outros trazidos por colonizadores portugueses, como os Mastiffs e Bloodhounds. Destes cruzamentos surgiu um cão de porte grande, forte, resistente e com um excelente instinto protetor.
Devido a essas características, o Fila iniciou seu trabalho nas fazendas brasileiras destacando-se como cão boiadeiro, cuidando dos gados, e também como protetor dessas propriedades e de todos os animais que viviam nela, sendo utilizado também na caça às onças que ameaçavam seu território. No início este cão era chamado apenas pelo desempenho de suas funções, como Boiadeiro ou Onceiro.
Em 1939 o Fila Brasileiro foi exposto pela primeira vez em uma exposição nacional e chamou muito a atenção de criadores, animados com a ideia de enfim terem uma raça genuinamente brasileira, então, criadores paulistas começaram a trazer esses cães de Minas e trabalhar na raça. Em 1951 a raça ganhou um padrão oficial.
Atualmente o Fila continua sendo muito popular nas fazendas e lares brasileiros, e sua valentia e força tem chamado cada vez mais a atenção de criadores estrangeiros.
A SOBRACI conta também com o núcleo Original Fila Brasileiro, dirigido pelo Sr. Antônio Carlos Linhares Borges, um juíz especialista e estudioso da raça, que tem se empenhado em resgatar as características originais da raça que permitiam a esses cães desempenhar de melhor maneira as funções de origem do Fila.
Características e Cuidados
O Fila Brasileiro é um cão muito leal e amoroso com seus familiares, sendo um excelente companheiro e lidando muito bem até mesmo com crianças, apesar do seu tamanho. Entretanto, é uma característica da raça a aversão a estranhos, podendo ser muito feroz com desconhecidos, o que o torna um guardião tão temido. São cães que tem um instinto protetor muito forte em relação a seus familiares, portanto devem ser bem educados desde cedo, com uma correta sociabilização para que este comportamento não se torne um problema.
São cães de fácil manutenção, não necessitando de muitos cuidados com a pelagem, apenas uma escovação e banhos regulares. Precisam, assim como todo cão, de exercícios diários para manter uma boa saúde física e mental.
Designer by Neoware - Criação e Desenvolvimento de Websites e Sistemas - Desafie nossa Criatividade