Artigos

16/10/2017

Raça da Semana – American Staffordshire Terrier

Inteligente, confiante e leal.

País de Origem: Estados Unidos da América
Grupo: Cães Terrier
Função: Caça
 
Corajoso, forte e musculoso, o American Staffordshire Terrier é um atleta nato de uma inteligência notável, o que o destaca em diversos tipos de esportes. Muito leal e carinhoso com seus familiares, esse também é um excelente cão de companhia.
 
História
Até o início do século 19, o Bulldogue foi desenvolvido com muito cuidado na Inglaterra, com o objetivo de lidar com os touros. O Bulldogue daquela época era bem diferente do atual. Imagens até 1870 representam um cão mais atlético e ágil, com pernas mais cumpridas, focinhos mais largos e um porte mais musculoso. O Bulldogue daquele tempo, com exceção da cabeça, tinha mais semelhanças com American Stafforshire do que com o Bulldogue atual.
Alguns escritores afirmam que o Terrier Inglês branco ou o Black and Tan Terrier, foi utilizado em cruzamentos com o Bulldogue para o desenvolvimento do Staffordshire Terrier, uma raça inglesa que futuramente originaria o American Staffordshire. Os criadores buscavam um cão que tivesse a agilidade de um Terrier, mas a força e coragem de um Bulldogue. Esses cães partiram para os Estados Unidos em 1870, onde deram origem ao American Staffordshire e ao American Pit Bull Terrier.
Em 1936 eles foram aceitos para registro, com o nome oficial de American Staffordshire Terrier, que são cães maiores e mais pesados que seus ancestrais ingleses.
O padrão do American Staffordshire permite uma variação no peso, desde que proporcional ao seu tamanho. Os principais requisitos para essa raça são: uma força descomunal para seu tamanho, uma cabeça poderosa, equilíbrio, um corpo musculoso e uma atitude muito corajosa.
 
Características e Cuidados
O American Stafforshire apesar da aparência intimidadora, é um cão muito dócil e sociável, até mesmo com estranhos, se estiver perto de sua família. É um cão com um temperamento muito equilibrado, tendo um bom relacionamento com crianças, outros animais e também suportando bem períodos sozinhos em casa. Mas são necessários alguns cuidados para que desenvolva esse temperamento saudável, o sociabilizando desde filhote com o ambiente familiar.
A pelagem desta raça é curta, não exigindo muitos cuidados, apenas uma escovação ocasional e um banho. Seu principal cuidado será com seu físico. Essa raça necessita de atividades físicas diárias, como uma boa caminhada, corridas ou uma boa brincadeira no quintal.
Designer by Neoware - Criação e Desenvolvimento de Websites e Sistemas - Desafie nossa Criatividade