Artigos

11/09/2017

Raça da Semana – Dálmata

Atlético, ativo e destemido.

País de Origem: Croácia
Grupo: Cães de companhia
Função: Cão de companhia
 
Mundialmente conhecido pela franquia de filmes 101 Dálmatas, este cão é um ótimo companheiro familiar. Sempre em alerta, muito ativo e de grande resistência e inteligência, destaca-se como cão de companhia e também como um excelente esportista.
 
História
A origem do Dálmata é muito antiga e desconhecida, há somente especulações sobre o local onde a raça foi desenvolvida. Alguns acreditam que surgiu em Dalmatia, uma região da antiga Iugoslávia, mas não existem provas em relação a isso. Sabemos somente que é uma raça antiga, que permaneceu inalterada por muitos séculos, tendo registros de cães com as características manchas dos dálmatas, na Europa, Ásia e África.
Os Dálmatas foram encontrados em pinturas nas paredes de tumbas antigas, correndo atrás de carros egípcios e também mencionados em poemas escritos por Jurij Dalmatin, em meados de 1500. Um afresco na capela de Santa Maria Novella, na Itália, registra um cão manchado muito semelhante ao Dálmata, pintado em torno de 1300.
As funções desempenhadas pelos Dálmatas ao longo dos anos foram tantas, que fica praticamente impossível saber qual era a função original da raça. Este cão já foi utilizado como cão de guarda, pastor, cão de guerra e em esportes como caça de pequenos roedores, o que mostra o quão versátil e adaptável é esta raça.
O Dálmata é um cão distinto, com características únicas, como suas manchas que são peculiarmente suas. Um verdadeiro cavalheiro, equilibrado e de espírito nobre, de personalidade sensível e cortês.
 
Características e Cuidados
Está considerando adquirir um dálmata como novo membro da família? Ótimo, mas lembre-se que esses cães são mais do que belos animais de manchas apaixonantes. Eles possuem muita energia e são excelentes companheiros de corridas ou caminhada, pois são muito fortes e resistentes. Sua personalidade é equilibrada, apesar de ter um certo instinto de guarda, sendo bem reservado com estranhos, mas também são muito amorosos com pessoas do seu ambiente familiar.
Manter a pelagem do dálmata não é uma tarefa complicada, apenas uma escovação semanal é o suficiente para retirar os pelos mortos. O principal cuidado será em exercitar esse cão, eles são muito ativos e adoram correr, portanto, o mínimo necessário será um bom passeio diário.
Designer by Neoware - Criação e Desenvolvimento de Websites e Sistemas - Desafie nossa Criatividade